Retrospectiva 2017 – Nacionais (Parte 1)

A seguir, um resumo das principais notícias nacionais publicadas pela Lócus em 2017. A Primeira Parte estará disponível para o público em geral; as demais, somente para os assinantes.

Edição: Cesar Augusto Cavazzola Junior

Conteúdo: Guilherme Macalossi, Jesael Duarte da Silva, Mateus Barato, Cesar Augusto Cavazzola Junior

 

O Curioso Caso de Onyx Lorenzoni – Guilherme Macalossi

Quando o Ministro Luiz Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, autorizou a Procuradoria-Geral da República a investigar Ministros, Governadores, Senadores e Deputados Federais que estavam na chamada “Lista do Janot”, houve surpresa com alguns dos nomes que surgiram. Um deles era o de Onyx Lorenzoni, parlamentar do Democratas (DEM) do Rio Grande do Sul.

Armas: pelo menos uma chance de defesa – Mateus Barato

O Estado, por meio de suas autoridades, desestimula a reação. O cidadão tem incutido em seu pensamento a premissa de que é normal perder tudo, sem a mínima possibilidade de defesa ou reação. Prova disso é a sanha governamental em retirar as armas das pessoas. Obviamente, somente os cidadãos de bem entregaram suas armas; os criminosos, por estarem à margem da lei, seguem armados. O resultado são os mais de 60 mil assassinatos por ano no país, nessa guerra civil em que apenas um lado está armado.

Como o crime se alastra por vias culturais no Brasil – Mateus Barato

A criminalidade que afeta o povo brasileiro tem raízes específicas. A insegurança se fortaleceu após décadas de trabalho cultural intenso, que perpassa as fronteiras do Brasil, as prisões e os círculos acadêmicos e artísticos, não se resumindo apenas a falta de investimentos dos governos na compra de equipamentos, viaturas e contratação de policiais. O resultado é conhecido pelo cidadão de bem, que fica trancafiado em casa, com medo de ser assaltado e de perder seus bens ou a própria vida.

A questão previdenciária na Marcha dos Prefeitos – Guilherme Macalossi

A crise econômica do Brasil e do Rio Grande do Sul tem servido para deixar em terceiro plano o contexto falimentar dos municípios do país. A falta de recursos das prefeituras tem sido pouco discutida e, mesmo quando o assunto é retratado, logo é colocado de lado em razão da gravidade do noticiário nacional e estadual.

Os dados comprovam que a educação brasileira vai de mal a pior – Cesar Augusto Cavazzola Junior

Não são raras as vezes que Benjamin Franklin é ressuscitado com as seguintes palavras: “Investir em conhecimento rende sempre os melhores juros”. No entanto, a confusão que se faz é na distinção entre conhecimento e educação, dadas erroneamente como sinônimos. Não foram poucos os alertas que a Lócus realizou sobre o assunto, mas o que se segue é a análise de dados (agora qualitativos) do ensino nacional.

Afinal, o que esperar do julgamento da chapa Dilma-Temer no TSE? – Guilherme Macalossi

No Confronto, programa da Rádio Sonora FM, Macalossi debate com os advogados Gustavo Pimentel e Francieli Campos sobre o processo de cassação da chapa Dilma Rousseff – Michel Temer que está em andamento no Tribunal Superior Eleitoral.

A Lava Jato como fiadora da impunidade – Guilherme Macalossi

Nem tudo é luz na Operação Lava Jato. Há muita treva também. E talvez isso tenha ficado claro pela primeira vez com o escandaloso acordo de delação premiada que o Ministério Público firmou com Joesley Batista, o proprietário da JBS, um dos maiores grupos empresariais do país.

O PT é isso sim, Miriam – Guilherme Macalossi

A jornalista Miriam Leitão, colunista da Rede Globo, é alvo frequente das hostes petistas nas redes sociais. Não é de hoje. Ao longo dos governos do partido, ela tem sido tratada como uma verdadeira inimiga. Basta passar pela antiga rede de blogs e sites financiados com dinheiro público nas administrações de Lula e de Dilma Rousseff para se ter uma ideia do nível dos adjetivos que lhe são direcionados.

Querem depor Lula do comando do Petrolão – Guilherme Macalossi

De todos os processos que Lula responde na Justiça, aquele que mais o ameaça é o que corre no Supremo Tribunal Federal, onde responde por formação de quadrilha. Lembra do Power Point correto mas inoportuno apresentado pelo ansioso procurador Deltan Dallagnol? Pois então.

Para entender que Lula era o Chefe – Guilherme Macalossi

A revista Época veio no final de semana com uma entrevista com o empresário Joesley Batista, que acusa o Presidente Michel Temer de liderar a quadrilha mais perigosa do Brasil. Você, assinante do Resumão da Lócus, fica aqui com alguns links para comprovar que não há o menor sentido nessa fala.

Em abril, O Globo apontava Lula como chefe do Petrolão – Guilherme Macalossi

A sanha predatória da Rede Globo em relação ao Governo Michel Temer levou a Época, a revista mais proeminente do grupo, a publicar uma capa onde ele é acusado por Joesley Batista de ser o chefe da quadrilha mais perigosa do Brasil.

A UNE é a Malhação da esquerda brasileira – Guilherme Macalossi

Marianne Dias, de 25 anos, é a nova presidente da União Nacional dos Estudantes. Militante do PCdoB, ela sucede Carina Vitral, também integrante do partido. A entidade vem sendo comandada pela sigla desde 1993. O último lugar onde os camaradas tiveram tanto sucesso foi na União Soviética.

A UNE é uma entidade irrelevante, cujo processo eleitoral é uma fraude desde a base – Guilherme Macalossi

Desafio: Cite de cabeça o nome das três últimas pessoas que passaram pelo comando da UNE. Sem o Google será difícil. Eu mesmo tive que me socorrer nele antes de escrever este texto. E isso mostra a dimensão que ela ganhou na medida em que foi se tornando um mero aparelho partidário.

O desprezo pela língua por aqueles que mais deveriam defende-la – Cesar Augusto Cavazzola Junior

Os relatos sobre o desprezo pelo conhecimento são evidentes na atual sociedade. Os artigos que vêm sendo publicados pela Lócus apresentam dados da realidade nacional não de maneira opinativa, mas procurando compreender o que está acontecendo no ensino e na cultura como um todo.

O esforço retórico, filosófico e científico de transformar cada brasileiro em um potencial Joesley Batista – Guilherme Macalossi

Na última sexta-feira, o programa Conversas com Bial, uma espécie de Esquenta que mudou da laje do subúrbio para o apartamento no Leblon, veio com uma velha cantilena relativista: O historiador Leandro Karnal, o humorista Welder Rodrigues e o neurocientista Jorge Moll falaram das “pequenas corrupções” cotidianas.

Ensino superior, ética duvidosa – Jesael Duarte da Silva

No início da vida acadêmica, dá-se o encontro da sociologia com as mais diversas áreas do conhecimento. De forma genérica, alunos de cursos bem diferentes compartilham as mesmas considerações sobre Marx, verdades vermelhas de Cartas Capitais e Globonews e a supervisão atenta de verdadeiros cientistas sociais que capturam cada nuance do aluno, avaliando as respostas e comportamentos, ou a falta destas respostas e o desprezo, ameaçado por notas baixas. Interaja ou morra.

Previous ArticleNext Article