Entre em contato

Passo Fundo

Sessão Plenária nº 75: pedágio de Coxilha

Publicado

on

Na Sessão Plenária Extraordinária nº 75, da Câmara de Vereadores de Passo Fundo, ocorrida em 24 de junho, os parlamentares aprovaram por unanimidade moção de repúdio contra a cobrança nos dois sentidos da via na praça de pedário de Coxilha/RS.

De autoria do vereador Alex Necker (PCdoB), a proposição foi justificada nos seguintes termos:

A determinação do Governo do Estado do Rio Grande do Sul de que a praça de pedágio de Coxilha, cidade próxima a Passo Fundo, passe a cobrar nos dois sentidos a partir do mês de abril traz uma preocupação não só aos moradores de Coxilha, mas a toda a região, visto que este trecho encontra-se no trajeto entre Passo Fundo e o IRFS – Campus Sertão, uma instituição de ensino com mais de 60 anos de tradição. Trabalhadores e sobretudo, estudantes que utilizam o trecho diariamente serão afetados por essa medida, pois envolve um custo de R$ 8,80 por dia apenas no pedágio, R$ 44,00 por semana e R$ 176,00 por mês, totalizando R$ 2,112.00 por ano.

A decisão do Governo do Estado em alterar a cobrança do pedágio, é prejudicial para a economia da região e não vai promover o desenvolvimento como justificou o Governador Eduardo Leite. Diante de um cenário de crise econômica e aumento do desemprego em todo o estado, aumentar o valor diário de gasto pelo trabalhador em pedágio é provocar ainda mais prejuízos, impactando negativamente na vida de todos.

Com 15 votos favoráveis e nenhum contrário, o resultado da votação pode ser consultado na imagem a seguir:

Continue Lendo
Clique Para Comentar

Deixe um Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2021. Lócus Online.