fbpx

Em plena pandemia e com economia devastada, Passo Fundo ainda gasta muito dinheiro com pagamento de salários para Cargos de Confiança (CCs)

salários para cargos

Pessoas perdem o emprego e pequenos empresários fecham os estabelecimentos, mas a classe dos empregados por indicação política segue firme na cidade, com salário em dia

relação de funcionários (referência julho 2020) com o vínculo “Cargo de Confiança” na Prefeitura de Passo Fundo tem 155 nomes que juntos somam R$ 560.891,58 em remuneração básica. Este valor é bem maior se contarmos os encargos trabalhistas.

Em dezembro de 2018, um levantamento da Lócus apontou o montante de R$ 459 mil em salários para 137 CCs. O valor de agora é 22% maior, em uma época que deveria ser de controle de gastos e um maior controle ético com tantos interesses típicos de uma pré-campanha eleitoral. É bom lembrar que muitos dos agraciados com cargos são envolvidos direta ou indiretamente com partidos ou candidatos da próxima eleição municipal.

Lista de CCs contratados no ano de 2020. Os nomes em vermelho são pessoas que foram afastadas.

Em 2020, a movimentação de CCs foi intensa. Desde o dia 15 de janeiro, 38 nomes entraram na lista (destes, dois afastamentos). No último semestre, foram realizadas contratações em julho (2), junho (3), maio (7), abril (7), março (6), fevereiro (7) e janeiro (4).

Em dezembro de 2018, revelamos:

A Prefeitura mantém atualmente 137 cargos de confiança (os famosos CCs) que ganham entre R$ 1.221,69 e R$ 11.980,09. São três os “supers CCs” com remuneração acima de 11 mil reais: Luciana Bojunga Meneguetti (diretor de departamento), Roberto Agnoletto Ariotti (assessor especial dos conselhos municipais) e Leandro Bussoloto (diretor de departamento – auditoria). Abaixo dos três no ranking, aparecem salários de R$ 6.916,00 até o mínimo.

A realidade hoje é bem diferente. São 5 cargos com salários acima de R$ 11 mil, seguidos por 4 entre R$ 7,4 mil e R$ 9,7 mil, 24 salários de R$ 5.942,04 e demais que ficam na faixa entre R$ 4,6 mil e R$ 1,3 mil. A lista completa pode ser vista neste documento (ref. Julho/2020).

Ao que parece, a pandemia não parece ser uma razão para a quantidade de cargos de confiança contratados pela prefeitura: apenas 13 pessoas estão lotadas na Secretaria Municipal de Saúde, com salários entre R$ 1.980,32 e R$ 5.942,04.

Faltando cerca de 40 dias para o início da campanha eleitoral, a sociedade precisa ficar atenta ao seu próprio “quadro de funcionários” contratado pelo prefeito. Via de regra, pessoas com experiência específica para os cargos que ocupam, sem interesses paralelos. Na prática, existe a possibilidade de ser apenas um arranjo ou troca de favores em situações políticas do presente e do futuro, prática já denunciada até mesmo por convidados nas extintas lives realizadas pela Lócus.

Estamos de olho.

Previous ArticleNext Article

Responder