Entre em contato

Passo Fundo

Resumo da Sessão Plenária de 12/04/2021

Publicado

on

A seguir, os destaques desta segunda-feira (12) na Câmara de Vereadores de Passo Fundo

Covid

A Câmara parece estar convencionando um minuto de silêncio pelas vítimas do coronavírus no início da Sessão, posterior à divulgação do boletim informativo. Nesta, não foi diferente.

Grande Expediente

Tchequinho (PSC) se disse como um vereador livre: não se faz oposição e nem situação em relação ao Poder Executivo. Para ele, os interesses de Passo Fundo são maiores do que os ideológicos ou políticos. Disse ainda que torce bom um bom mandato do atual prefeito, Pedro Almeida.

Novamente, criticou o posicionamento do Conselho Municipal de Saúde de Passo Fundo nas redes sociais. Nesta última semana, fez postagem chamando o presidente Bolsonaro de genocida.

Veja mais: Conselho Municipal de Saúde de Passo Fundo tornou-se órgão de ativismo político?

Deputado Zucco

Ada Munaretto (PL) divulgou a presença do deputado estadual Zucco (PSL) em Passo Fundo na última semana, para o qual foram transmitidas uma série de demandas da cidade e da comunidade.

Creche em Casa

Evandro Meireles (PTB) falou do PL 30/2021, de sua autoria, que institui o Projeto “Creche em Casa”, com a
finalidade de regulamentar a atividade das mães crecheiras, mulheres que desempenham, onerosamente, o cuidado de crianças de outras famílias, em turno integral ou no contra-turno escolar. De acordo com o parlamentar, a iniciativa pode gerar empregos para uma parcela da população que enfrenta dificuldades durante a pandemia.

“Lula Inocente”

Informou que haverá manifestação em Passo Fundo e colocação de outdoor “Lula Inocente”, decorrente da derrubada recente  painel em que havia imagem do ex-presidente. Chamou os responsáveis pela retirada de fascistas e antidemocráticos.

Ensino

Regina dos Santos (PDT) criticou qualquer possibilidade de retorno às aulas, sobretudo das escolas estaduais, por determinação do governador Eduardo Leite. Para ela, ainda não há condições de segurança suficientes para os professores, alunos e demais funcionários por conta da pandemia. De acordo com a vereadora, o retorno só é possível após a vacinação em massa.

Assine nossa newsletter

* indicates required

Copyright © 2021. Lócus Online.