Projeto de Tchequinho quer a proibição do uso de celular nas escolas

Na Sessão Plenária do dia 20/03/2019 da Câmara de Vereadores de Passo Fundo, um projeto votado chamou a atenção da comunidade. Trata-se do pedido de desarquivamento do PL 023/2017, de autoria do Gabinete do vereador Renato Tiecher, que proíbe o uso de celular durante as aulas nas escolas públicas da rede municipal de ensino na cidade de Passo Fundo.

Esta iniciativa tem o objetivo de dar mais qualidade no ensino fazendo com que os alunos tenham mais concentração nas aulas. Para o vereador, o celular não soma em nada quanto ao aprendizado nas escolas. “Está sendo uma perdição, um vício”, denunciou. Para ele, os alunos devem prestar atenção ao que está sendo dito pelo professor, ao que está sendo ensinado em tempo real.

“Os professores estão perdendo o controle sobre os alunos. O celular tem sido uma das causas”, destacou. Ainda, apontou que numa sala de aula com mais de 30 alunos é difícil manter a atenção com os aparelhos tocando e com acesso à internet. Tchequinho disse que a comunicação deve ser dos pais com a direção, que comunicará o aluno em eventual urgência. 

Abaixo, Tchequinho fala sobre sua proposta:

 

Patric Cavalcanti analisou a importância do projeto, embora reconheça que o projeto necessita de debate com a comunidade para avaliar o alcance das restrições.

Marcio Patussi, que também é professor universitário, fez uso do aparte para reiterar as dificuldades como docente em prender a atenção dos alunos diante dos recursos digitais. A despeito de ser uma ferramenta de aprendizado nos dias atuais, alguns critérios de utilização devem ser avaliados. 

 

O desarquivamento foi aprovado com unanimidade entre os vereadores, mas ainda não há previsão para a discussão do projeto, nem mesmo para votação. É possível que alguns setores da comunidade sejam convidados para debater o alcance da proposta antes de ir para a votação definitiva. 

Previous ArticleNext Article

Responder