Lupatini deixa a presidência do PSL Passo Fundo

lupatini

Desde novembro de 2019 a sigla estava em crise interna por conta das tratativas para as eleições municipais de 2020

 

O professor Francisco Emílio Lupatini não é mais presidente da Executiva Municipal Provisória do PSL em Passo Fundo. Em nota enviada para a Lócus nesta terça, Lupatini declarou também a sua desfiliação do partido:

 

Comunico a toda comunidade passo-fundense a minha renúncia irrevogável do cargo de presidente da executiva provisória municipal do PSL (Partido Social Liberal) na cidade, bem como a desfiliação imediata da sigla.
Por acreditar que o grupo que hoje compõe o PSL local não mais representa o projeto que levou Jair Messias Bolsonaro à vitória, considerei impossível a permanência na agremiação outrora formada por pessoas distantes de vertentes socialistas, comunistas, adeptas do “toma-la-dá-cá” e tantas outras práticas nocivas que adoeceram nosso país na esfera nacional, agora sucumbindo aos mesmos males na preparação para o pleito municipal de 2020, com o agravante de usar o nome do presidente e da própria direita.
Saio da sigla com a certeza de estar trilhando o caminho da tão perseguida verdade que, uma vez conhecida, traz a liberdade. Esta verdade – quando ignorada – abre caminho para que acima de todos nós passo-fundenses esteja a desarmonia, o ódio e o desatino, justamente agora que o Brasil está voltando ao caminho certo.

 

Nas redes sociais, Lupatini continua postando diariamente defesas do governo Bolsonaro e é forte promotor da campanha que espera arrecadar assinaturas para a criação do partido Aliança.

Veja também:

Evento de filiação e anúncio de pré-candidatura de Rodinei Candeia para prefeito via PSL é cancelado.

Previous ArticleNext Article

Responder