fbpx

Resumo da Sessão Plenária de 16/11/2020

Após o resultado das eleições municipais, com apenas 7 dos atuais vereadores reeleitos, agradecimentos e lamentos marcaram a Sessão desta segunda

Grande Expediente

O vereador Pedro Daneli (Cidadania), que não foi reeleito, desejou sorte aos vereadores exitosos neste pleito. Já no seu quinto mandato, falou que é preciso aceitar o resultado das urnas.

Trabalho a ser lembrado

Saul Spinelli (PSB), presidente da Casa e vereador reeleito, lembrou o trabalho dos parlamentares da atual legislatura, destacando a atuação do vereador Paulo Neckle (MDB) para captação de verbas para a reforma do aeroporto de Passo Fundo. Para ele, o trabalho de cada um estará para sempre marcado na história da Câmara.

Tempos difíceis

Leandro Rosso (Republicanos), reeleito com o menos número de votos, apontou as dificuldades do atual pleito, sobretudo em tempos de pandemia. Para ele, a “festa” da democracia não teve a alegria doutros tempos: muitos empresários lutando para se reerguer e a população ainda receosa de aglomerações. Apontou que o vereador não é somente o político mais próximo do povo, como também o mais cobrado.

Quem fica, quem sai: veja como os atuais vereadores se saíram em 2020

O resultado das eleições de 2020 para o cargo de vereador surpreendeu a muitos pela renovação no Parlamento Municipal. Apenas 7 dos atuais 21 vereadores permanecem.

Quatro dos atuais vereadores da “velha guarda”, reeleitos em muitas oportunidades, todos ficaram de fora: Luiz Miguel Scheis (PDT), Paulo Neckle (MBD), Dalla Lana (PTB) e Pedro Daneli (Cidadania).

Abaixo, em azul, foram os dois únicos vereadores que aumentaram o número de votos em relação a 2016, embora apenas Evandro Meireles (PTB) permanecerá em 2021.

Certamente, o comunista Alex Necker (PCdoB) é o maior derrotado: líder do governo na Casa até o final do ano passado, fez apenas 392, sendo o único “não eleito”.

 

Sessão Plenária Completa

Previous ArticleNext Article

Responder