Entre em contato

Passo Fundo

Por que a Jornada Nacional de Literatura de Passo Fundo deve continuar

Publicado

on

Semana passada, publiquei uma pequena charge criticando as bandeiras políticas levantadas durante a Jornada Nacional de Literatura de Passo Fundo.

Pode parecer, num primeiro momento, que tenha sido uma crítica vazia ao trabalho de anos que vem sendo realizado em Passo Fundo, mas não é de todo descabida.

Veja, conheço bem os problemas enfrentados pelos professores no sistema de ensino. Também sou professor. Para quem se dedica integralmente ao ensino, deve ser realmente difícil sobreviver. Para ajudar, o estado do Rio Grande do Sul encontra-se cada vez mais atolado pela sua condição financeira. Doa a quem doer, a situação não será resolvida tão cedo, independentemente de governos e partidos.

No entanto, muitas pessoas não têm a mínima noção da importância que a literatura tem sobre o país. Não só aqui: a literatura é a base do imaginário de qualquer nação. Personagens fortes e bravos criarão seres humanos mais dispostos a enfrentar as circunstâncias da vida; personagens fracos influenciarão negativamente os leitores.

As novelas vêm há anos afetando o imaginário nacional. Cada vez mais são criados personagens idolatrando o banditismo e a falta de ética, cada vez mais corruptos e inconsequentes, cada vez mais fracos na sua personalidade. De fato, isso afeta os seus telespectadores.

Por que a literatura deve ser forte? Porque ela vai criar leitores fortes, ajudando-os a superar as suas limitações, sobressaindo diante das adversidades naturais da vida.

Passo Fundo celebra anualmente um grande espetáculo literário, visitado por milhares de estudantes e muitos outros interessados em ampliar conhecimentos. É lamentável, porém, quando um evento cultural levanta bandeiras políticas…

A Lócus denunciou recentemente um vídeo divulgado pelos organizadores da Jornada. Veja:

(https://www.youtube.com/watch?v=-2RpFis1w3Q)

Como se isso não bastasse, outras manifestações políticas foram levantadas ao longo do evento:

Antes mesmo de a Jornada começar, houve divulgação de evento no qual a temática seria a “igualdade de gênero”, um dos tentáculos da ideologia de gênero.

A Jornada Nacional de Literatura não pode se dissociar do seu objetivo principal, que é o desenvolvimento e a divulgação da literatura, num belíssimo evento celebrado na cidade de Passo Fundo.

A Jornada é orgulho dos passo-fundenses e deve acontecer. Mesmo assim, seus organizadores têm a obrigação de impedir que um evento cultural se transforme em palanque político e ideológico.

Copyright © 2021. Lócus Online.